Jornal americano suspende versão tabloide lançada há dois anos

Jornais impressos americanos, salvo raras exceções (como o New York Times), parecem cego no meio de um tiroteio. Cada ano que passa sucedem-se decisões muitas vezes contraditórias.

Esse é bem o caso do Chicago Tribune, um jornal tradicional da cidade que o batiza, em formato standard, e que há alguns anos foi comprado por um empresário do ramo imobiliário.

Há dois atrás o periódico decidiu, provavelmente para reduzir custos, lançar uma versão tabloide para ser vendida em banca. A crença na época é que o formato mais compacto geraria também um aumento nas vendas.

Em outros mercados, como Londres, essa estratégia mostrou-se bem sucedida no curto prazo, porém não se sustentou passado alguns anos. Em alguns casos, como os jornais The Times e The Independent, as empresas abandonaram suas versões standard e mantiveram apenas os tabloides.

Como nos EUA as coisas para os jornais impressos parecem estar meio “do avesso”, isso não funcionou para o Chicago Tribune. Recentemente eles divulgaram o cancelamento da sua versão tabloide, mantendo apenas a versão em tamanho maior, conforme explica o Poynter Institute.

O artigo, porém, não deixa claro se eles continuarão vendendo sua versão standard nas bancas ou se irão concentrar esforços apenas no canal de assinaturas.

A situação dos jornais impressos nos EUA não é boa há algum tempo, como nós mostramos aqui e aqui. De qualquer maneira alguns jornais estão conseguindo manter-se bem apesar do cenário adverso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s